Como uma das principais criadoras de sementes de vegetais, a Bejo está sempre à procura de novas formas de inovação. Os nossos investigadores e criadores trabalham continuamente no desenvolvimento de novas variedades. As técnicas de limpeza e processamento mais modernas e os mais recentes equipamentos asseguram que os nossos clientes só recebem as nossas melhores sementes. A Bejo também é inovadora noutros campos, incluindo no revestimento de sementes. Agora, a Bejo tem o orgulho de apresentar um revestimento de sementes feito inteiramente de materiais sustentáveis.

O revestimento das sementes assegura uma melhor proteção durante a primeira etapa de vida. E existem mais vantagens: a superfície mais lisa da semente facilita a sementeira e a cor adicionada torna as sementes mais visíveis no solo.

A Bejo tem procurado no mercado um revestimento mais sustentável e encontrou uma receita inteiramente composta por materiais naturais. Isto significa que o revestimento se decompõe completamente no solo. Para além do mais, o novo revestimento tem um tempo de secagem muito mais curto: para sementes convencionais, reduz o tempo de 15 para 5 minutos. Esta diminuição do tempo de secagem significa um menor consumo de energia e, portanto, uma redução do impacto ambiental.

Também se espera que o tempo de secagem mais curto diminua a influência negativa da secagem na vitalidade da semente. A permeabilidade da humidade mais elevada do revestimento contribui para esta expectativa.

A implementação ocorrerá em fases. O novo revestimento já está a ser utilizado na beterraba. Após testes intensivos, esperamos poder implementá-lo também noutras colheitas, começando pela cenoura, cebola e espinafre.

O líquido do revestimento é totalmente aceite pela SKAL e satisfaz todos os requisitos para os revestimentos biológicos. Já se iniciou a preparação para a utilização do novo revestimento na nossa gama biológica. Esperamos a sua implementação em 2019. A seu tempo, as nossas sementes biológicas também terão a sua própria cor distinta.